JULHO

Débora Böttcher Lessa

Débora Böttcher Lessa

Formada em Letras, amante da literatura e de chocolate. Vive um dia de cada vez. Mora em SP. Trabalha com arte visual, mídias sociais e mkt. Casada, 'mãe' da Maya, uma labradora cor de cacau, e da Luna, uma labradora black.
Também administra o Portal Babel Cultural [www.babelcultural.com]
Débora Böttcher Lessa

Últimos posts por Débora Böttcher Lessa (exibir todos)

capa_JulhoTodo início de mês nos remete a começos, recomeços, oportunidades, novo ciclo. O sétimo do ano desponta num sábado e anuncia que as férias escolares chegaram. Muitas mulheres programam para Julho uma pausa no trabalho visando maior presença nos dias de filhos (ou netos) pequenos ou adolescentes. Viagens e passeios são programados, o tempo é de diversão. Quem não pode se entregar a esses dias de folga, tenta usufruir das noites para estar mais perto dos seus.

É inverno e ele nos chama ao aconchego, às comidinhas e bebidas quentes, ao juntar-se – e aquecer corpo e alma.

Julho também nos lembra que já estamos passando da metade do ano – daqui a pouco é Natal! – e, não raro, nos traz aquela sensação de estar atrasada – uma contradição do mês, que nos incita ao intervalo ao mesmo tempo que nos gera a pressa.

sete_JulhoMas vale lembrar: sete é número cabalístico – sete são os dias da semana, são sete as virtudes e os pecados capitais, sete são as vidas do gato, as quatro fases da lua tem sete dias, são sete as notas musicais e as cores do arco-íris. Se você é de fé, sabe que é o número da Criação. A “lista de sete” é extensa e os oráculos afirmam que ele é o número da perfeição.

E pra fazer um mês perfeito – mesmo que mais em tese, já que perfeição não existe -, pense nas sete coisas que você mais ama, aquelas sete que te encantam e dão prazer, e coloque-as em destaque na pauta dos dias. Evite as sete coisas que te contrariam e pratique as sete coisas que você faz bem. Pode apostar: o resultado só pode ser positivo.

Aproveite todo o misticismo do Sete para fazer dos próximos trinta dias uma temporada cheia de leveza e, feito lua, passar por todas as fases do mês linda e plena, iluminando o caminho por onde passar.

Salve, Julho!

Débora Böttcher Lessa

Débora Böttcher Lessa

Formada em Letras, amante da literatura e de chocolate. Vive um dia de cada vez. Mora em SP. Trabalha com arte visual, mídias sociais e mkt. Casada, 'mãe' da Maya, uma labradora cor de cacau, e da Luna, uma labradora black. Também administra o Portal Babel Cultural [www.babelcultural.com]

Troque ideias conosco!